Franquias de Alimentação

Clique nas franquias de alimentação para ver informações das redes

Conheça as franquias

Conheça a franquia Hones
Iniciar Vídeo
Conheça a Franquia Vinho & Ponto
Iniciar Vídeo
Franquia Pizza Hut
Iniciar Vídeo
Conheça a franquia T-Donuts
Iniciar Vídeo

LISTA COMPLETA DE FRANQUIAS ASSOCIADAS ABF


Clique aqui

Franquias de Alimentação, o maior segmento do franchising brasileiro

franquias de alimentaçãoVocê já pensou em ser dono de uma franquia de comida? Um restaurante, hamburgueria, cafeteria, padaria ou pizzaria?
 
Esse é sonho de muita gente e é isso, e muito mais, que oferece o segmento de franquias de alimentação.
 
Se você quer abrir um negócio próprio, o guia da Associação Brasileira de Franchising (ABF) tem todas as informações que você precisa.
 
São centenas de negócios voltados à alimentação que já foram testados com sucesso no mercado e oferecem, por parte das franqueadoras, suporte e treinamento para você ser um franqueado de sucesso.
 
 

O mercado de alimentação

Dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) mostram que o brasileiro gasta cerca de 25% de sua renda com alimentação fora do lar.
 
A Associação de Bares e Restaurantes (ABRASEL) estima que o setor represente, atualmente, 2,7% do Produto Interno Bruto (PIB) nacional.
 
Para a Associação Brasileira das Indústrias da Alimentação (ABIA), o segmento cresce, em média, 14,2% ao ano.
 
Analistas atribuem a ascensão da alimentação fora do lar à realidade cotidiana das grandes cidades, onde as pessoas têm cada vez menos tempo para cozinhar.
 
Segundo a Abrasel, o setor de alimentação fora do lar deve crescer 4,5% este ano, amparado na nova rotina da população. Só com almoço o trabalhador brasileiro gasta, em média, R$ 751 por mês, de acordo com um estudo da Associação Brasileira das Empresas de Benefício ao Trabalhador (ABBT).
 
Quando avaliamos somente as franquias de alimentos, só no primeiro semestre deste ano o segmento faturou R$ 21,5 bilhões.
 
O resultado representou um avanço de 8,1% sobre o mesmo período do ano passado, de acordo com a ABF.
 
No geral, o mercado de franquias cresceu 8,4% no segundo trimestre deste ano, também comparado ao período equivalente de 2017.
 

Mais dados das franquias de alimentação

  • representam 33% de toda a receita do franchising
  • faturou R$ 21 bilhões no 1º semestre deste ano
  • 18% das marcas atuam fora do País (segmento mais internacionalizado)
  • 17 das 50 maiores franquias do Brasil são de alimentação

 

Tendências de franquia de comida

A principal tendência no segmento de alimentação é o retorno da expansão por parte das franqueadoras.

Com isso, o setor como um todo cresce organicamente, como mostram os resultados da ABF

Alguns sub-segmentos entre as franquias de alimentação passam por momentos de ganho de escala e têm atraído muitos consumidores como, por exemplo, os restaurantes de comida natural ou vegana, restaurantes mexicanos e asiáticos, casas de açaí e de bolos caseiros, além de todas aquelas que trabalhem com o sistema de grab and go e aplicativos de delivery

Redes que focam na experiência do cliente em seus espaços também têm adquirido relevânciano mercado e fidelizado com maior assertividade os seus fãs.

Atualmente, é imprescindível possuir um cardápio diversificado para atingir diferentes nichos e tipos de consumidores.

 

Cuidados na hora de comprar uma franquia de alimentação

É importante que o franqueado desse segmento esteja ambientado com a cozinha ou, ainda, se certifique de que quem estiver à frente da operação tenha essa percepção.

Para ter sucesso nesse setor, é importante, principalmente, estar preparado para lidar com a gestão do negócio.

Ao escolher uma franquia, estude a fundo o suporte oferecido por ela aos demais franqueados, as marcas concorrentes, a localização do ponto comercial, o perfil do público e os custos de instalação.

Em geral, as franqueadoras poderão te ajudar com essas informações.

É muto importante você saber o que é franquia, e entender o básico sobre franchising. 

Isso vai facilitar bastante na hora de você negociar com franqueadores e também falar com franqueados da rede para saber se estão satisfeitos.

 

Temos muito conteúdo sobre as franquias de alimentação, separamos alguns, acesse abaixo: