Valor Franquia OMIE
Investimento para a franquia OMIE
a partir de R$75.000
Estado sede São Paulo
Retorno do investimento de 12 a 24 meses
Faturamento médio mensal R$80.000
Número total de unidades 61
Número total de unidades 61

Processo de seleção da franquia OMIE

Conheça abaixo quais são as etapas do processo de seleção da franquia Omie:

Processo de Franquia Modelo Move

1° - Análise do Perfil + Envio de Formulário

2° - Envio de COF

3° - Entrevista com Gestor da área

4° - Assinatura do Contrato

5° - Universidade Corporativa e Onboarding

6° - Início de atuação

 

Processo de Franquia Modelo Padrão

1° - Entrevista

2° - Análise do Perfil

3° - Envio de documentações (COF e BP)

4° - Assinatura do Pré-Contrato/Contrato

5° - Universidade Corporativa e Onboarding

6° - Início de atuação

Perfil do Franqueado OMIE

Conheça abaixo o perfil que a franquia Omie procura para seus franqueados:

Para ambos modelos de franquia buscamos candidatos que tenham as seguintes características:

Ter um perfil pró ativo e gostar de gerir processos de negócios e pessoas.

Ser incansável na busca por novas oportunidades de negócios e o compromisso com o alcance das metas da unidade

Ter o "olho do dono que engorda o gado", como já diziam por aí... Este negócio é tão seu quanto da marca, então, é vital ser presente no dia a dia da organização.

História da franquia OMIE

Marcelo Lombardo, fundador de uma empresa desenvolvedora de ERP que surgiu em 1990 para atender clientes de médio e grande porte, resolveu iniciar a criação de um novo produto em 2011 com o objetivo de atender as pequenas empresas.

Logo de partida, surgiu o primeiro grande desafio: como fazer um ERP que custasse pouco e servisse para ensinar os processos de negócio para o pequeno empresário? Como fazer o empreendedor gostar de gestão? Nenhuma tecnologia existente respondia a essas perguntas. Por isso Marcelo e sua equipe fizeram algo inédito, nunca visto antes em nenhum sistema de gestão do mundo: um novo conceito de usabilidade baseado em processos na forma de Kan Ban.

Ainda em 2011 era o momento de testar um novo conceito de usabilidade e nada melhor do que a utilização prática! Para isso, desenvolveram o módulo de CRM e o colocaram no mercado com o nome provisório de Aeruss.

Os primeiros clientes começaram a perceber o modo diferente e inteligente de trabalhar e organizar processos. O modelo de usabilidade baseado em Kan Ban funcionava e o sonho começava a se tornar realidade.

No ano de 2012 foram criados os demais módulos do OMIE: Financeiro, Vendas, NF-e, NFS-e, Estoques e o Painel do Contador. Ainda nesse ano, o Aeruss foi renomeado para OMIE e lançado ao mercado no mês de outubro, na Feira do Empreendedor do SEBRAE, mas ainda com funcionalidades restritas para que fosse possível aprender mais sobre as necessidades do pequeno empresário brasileiro.

Passada a fase experimental, em 2013 foi iniciada a venda de licenças por meio de parceiros divididos em escritórios de contabilidade e consultores. Em setembro desse ano a OMIE se tornou uma empresa independente, ganhando vida própria e Marcelo Lombardo, idealizador do produto assumiu o posto como CEO.

Ainda em 2013 foi lançado o módulo de PDV para atender as empresas de varejo, com homologação PAF em quase todos os estados brasileiros, além de inúmeras melhorias nos outros módulos. O OMIE foi formalmente apresentado aos contabilistas brasileiros na Convenção Bianual do CRC (Conselho Regional de Contabilidade).

No segundo trimestre de 2014 a OMIE recebeu aporte da Astella Investimentos para acelerar sua expansão e ganharam um novo boardmember, Edson Rigonatti.

O ano de 2014 foi marcado pelo sucesso, pois apenas dois meses após bater a marca de 25 mil transações por dia, o OMIE atingiu o recorde de 50 mil. Foram adicionados os módulos de Compras, Integração CNAB com diversos bancos, um novo DRE e centenas de outras melhorias.

A partir de meados de 2014, a tecnologia Silverlight foi substituída pela HTML5, deixando o sistema mais rápido e com melhor usabilidade.

Ainda em 2014 o SESCON (Sindicato das Empresas Contábeis) dos Estados de São Paulo e Rio de Janeiro fecharam parcerias com o sistema OMIE, levando essa novidade aos contabilistas e seus clientes do eixo Rio – São Paulo.

O ano de 2015 foi iniciado com dois grandes eventos em conjunto com a Microsoft Brasil, mostrando como a nuvem e a tecnologia chegaram para ajudar as empresas e seus contadores.

O OMIE PDV passou a funcionar com SAT e NFC-e, mas mantendo também o funcionamento com as antigas impressoras fiscais.

Desde o início de janeiro de 2015, os principais parceiros OMIE passaram a operar como franqueados atuando no processo de negociação, vendas, implantação, treinamento dos clientes e oferecendo suporte aos contadores.

É possível conhecer um pouco mais sobre o negócio franqueado acessando a página de internet www.omie.com.br.

Investimento (R$) para uma Home Based

Capital para instalação
5.000
a
30.000
Taxa de franquia
40.000 (Fixo)
Capital de giro
30.000
a
100.000
Investimento Total
75.000
a
170.000
de 12 a 24 meses
R$80.000
São Paulo
Número total de unidades
61
de 2 a 20
Taxa de propaganda
2,50 %
Faturamento Bruto
Royalties
VARIÁVEL
Faturamento Bruto
Royalties Reverso

Preencha os campos abaixo:

X
  • {{way.name}}

Preencha os campos abaixo:

X
  • {{way.name}}